terça-feira, 5 de junho de 2007

Do Que É Só Seu

.
.
.
DO QUE É SÓ SEU
(André L. Soares – 01.06.07 – Guarapari/ES)
.
Na hora do gozo,...
quando você me abraça,
seu olhar me revela
calma e desespero...
e eu, já estando em seu corpo
– saboreando esse gosto –,
penetro a alma,
desvendando desejos.

Na hora do grito,...
quando mais forte me aperta
boca e pernas abertas
a me querer por inteiro,...
inteira também a sinto
e, após o amor
– sobrando riso em seus lábios –,
só não decifro a beleza
daquele momento mágico
quando tão displicente
pende a cabeça pra frente
e lança...
para trás os cabelos.
.
.
.

9 comentários:

  1. Linda meu querido,... parabéns!
    É uma belíssima poesia, gostosa e sem duvida alguma, envolvente...
    Beijussssssssss dócil poeta.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns!
    Gostei de passar por aqui e vou voltar!
    Abraço

    ResponderExcluir
  3. Ae cara, obrigado por favoritar meu blog, também fiz isso com o teu porque também me interessam muito todas as artes. Inclusive, fazendo um merchand mas nem é esse o motivo não, acesse meus sites, tenho um com poesias minhas e outro com músicas, são:
    http://www.gavetavelha.blogspot.com
    http://www.myspace.com/projetoprimata e o blog Macaco Primata que tá linkado na assinatura desse comentário.. Cara, se não for pedir demais, queria umas explicações básicas sobre umas paradas específicas, umas dicas de blogueiro mesmo, forçando a amizade e claro.. mas relaxa que não sou daquelas antas que só sabem perguntar não, eu também sei fuçar e ler um monte, mas um ser humano explicando, via email ou msn sempre é bem mais exclarecedor! obrigado aee Macaco Primata

    ResponderExcluir
  4. rita e andré,
    vim conhecer o espaço de vcs e gostei muito do que vi e li
    voltarei outras vezes, com certeza
    abraços

    ResponderExcluir
  5. Oi André, tudo bem ? Vim conhecer seu blog e gostei bastante. Gostaria de inserir a primeira parte do seu poema em um dos meus templates juntamente com alguma imagem, logicamente dando os devidos créditos. Se puder me escreva. Um abraço.

    ResponderExcluir
  6. Elke, claro que sim. Havendo os créditos de autoria, não somente eu aprovo como fico, ainda, imensamente agradecido. Grande abraço!

    ResponderExcluir
  7. Obrigada pela visita ao meu blog, tenho também uma que posto com outros poetas, se quizer visita-lo aqui vai o endereço
    http://ferasferidas.blogspot.com/
    se quizer postar la conosco será um prazer, mas é um blog um pouco ferino, ferido.
    Quando ao seus blogs, estou adorando, afdoro este tipo de post, vou ler todos, achei dificuldade de entrar no seu primeiro blog,sons de sonetos
    , entrarei em todos.. e colocarei nos meus favoritos
    abraços
    izilda

    ResponderExcluir
  8. muito linda a poesia.
    Voltarei mais vezes.
    bjs

    ResponderExcluir
  9. te encontrei na minha lista de favoritos no blogblogs.
    bom, obrigada pela preferência!!

    beijos!

    ResponderExcluir